Segundo dados da Powerlink, empresa de parcerias globais, as parcerias estratégicas estão se tornando um elemento vital para o crescimento corporativo e muitos empreendimentos já reservam em torno de 20% dos seus ativos para desenvolver e manter tais colaborações.

Além disso, os resultados dessa prática já podem ser mapeados, e incluem: aumento no alcance de público, diferenciais e melhorias para produtos ou serviços, bem como o aumento da qualidade de experiência que é oferecida ao cliente. 

Nesses acordos, ambos os lados têm benefícios. Conforme artigo da Zenvia, plataforma de comunicação, também é importante ter atenção na hora de escolher as empresas para serem parceiras. Por essa razão, a escolha deve englobar empresas de mercados distintos, mas complementares e levar em consideração os seguintes pontos:

  • “O estabelecimento de metas e objetivos,
  • o planejamento sobre como se dará a colaboração,
  • os direcionamentos quanto aos direitos e aos deveres de cada uma 
  • a previsão de resultados esperados com o acordo.”

Porém, parcerias de sucesso entre empresas não são apenas uma tendência futura, mas também o motivo pilar dos bons resultados de marcas já conhecidas do público. No post de hoje, vamos conhecer algumas empresas que investiram em desenvolvimento mútuo para alavancar resultados.  

Apple e Pixar

De início, uma já conhecida referência entre fãs de animações ou de iphones, é a ligação entre Apple e Pixar. Inicialmente, a Pixar era uma empresa de Hardware que vendia computadores para o desenvolvimento de efeitos especiais. No entanto, os rumos da marca mudaram após ela ser adquirida por um novo dono.

Em 1986, Steve Jobs adquiriu a empresa devido ao perfil semelhante que ela tinha com a Apple. Porém, o resultado não foi o esperado, e a marca só se fortaleceu devido a uma importante decisão de Jobs.

Ele sempre acreditou na importância de ter boas parcerias e, por isso,  resolveu juntar a Pixar a mais um empreendimento, a Walt Disney. Juntas, as empresas produziram o longa Toy Story, uma das maiores animações de todos os tempos, fazendo com que a Apple esteja até hoje presente, por meio de easter-eggs, nos filmes da produtora.

Intel e Positivo

A união entre Intel e Positivo é, por sua vez, um caso já duradouro. As duas empresas da área da tecnologia, se juntaram para criar um produto que tivesse um bom custo-benefício: o Positivo-Duo. Desde então, diversos outros produtos já foram lançados de forma colaborativa.

As duas empresas têm, inclusive, planos para melhorar ainda mais o produto que é entregue ampliando a coparticipação de outras empresas. Uma das ações já feitas, foi uma união com a Vivo para também ofertar internet aos usuários com  baixo custo. Logo, isso mostra a importância de sempre ampliar a rede de parcerias de uma empresa.

Spotify e Netflix

Nesse caso, duas empresas de streaming de ramos diferentes. A estratégia da Netflix e do Spotify vai ao encontro do que foi antes apontado: buscar parcerias de mercados distintos, mas complementares.

De ramos diferentes, a união das marcas faz com que as plataformas tenham diversas possibilidades de parcerias para explorar. A última ação que foi feita, buscou promover a série Stranger Things, levando os fãs a ouvirem playlists personalizadas no Spotify e, em contrapartida, fazer com que outros ouvintes também descobrissem o seriado através do sucesso que as playlists geraram.

Agora, as empresas já trabalham para adaptar conteúdos da Netflix para o formato de áudio e fortalecer ainda mais as colaborações já realizadas.

Rede Parcerias e a sua Marca 

No Clube de Vantagens do RP, você tem acesso a parceiros com os melhores benefícios. Além disso, também pode incluir parcerias locais estratégicas de sua preferência. Tal ação pode alavancar ainda mais os resultados da sua marca. Conheça mais sobre os parceiros do clube através do nosso Clube Demonstrativo.

Em resumo, lembre-se que buscar parcerias estratégicas é essencial tanto para chegar em novos clientes, como também para oferecer diferenciais aqueles que já utilizam o produto ou serviço da sua empresa. Por isso, invista sempre em parcerias que agreguem valor à sua marca.